Adenomiose. O que é isso? Posso engravidar?

Estou grávida de 6 meses, quero muito ter o parto normal, mas estou com medo. As pessoas que já passaram por essa experiência dizem que, quando se tem o parto normal, os médicos cortam desde a vagina até o ânus. Isso ocorre mesmo?

O parto normal com assistência e analgesia é uma experiência para ser curtida e vivenciada, pois nada se compara ao ato de gerar e parir. Acaso pensou em não engravidar para não engordar, enjoar, não ter estrias? A gestação é um período maravilhoso, ainda que com alguns sintomas, e o parto é a grande hora, a chegada da estrela.

Por isso tenha uma ideia mais romântica (carinhosa) de receber o bebê. Esqueça a episiotomia (corte no períneo), isso é técnico demais para o momento e está a cargo do médico. No parto normal ideal, o médico conduzirá o parto com ajuda de pessário (na dilatação do colo uterino) e analgesia, com peridural, para ter um parto completamente sem dor. Quem vivenciou isto só recorda com saudade do dia do parto. Fique tranquila.

***

Olá, doutora. Estou com adenomiose, gostaria de saber se é possível engravidar? Já estou tentando há alguns meses. Meu médico não me explicou muita coisa, fiquei com muitas dúvidas. Me retorne, por favor.
Obrigada

Endometriose é uma doença benigna, que acomete a pelve e decorre da implantação do endométrio (tecido que forra o útero) em áreas que habitualmente não deveria estar, ou seja, fora da cavidade interna do útero. Já a adenomiose é uma endometriose interna, quando parte deste endométrio invade a musculatura uterina, determinando aumento de volume uterino e/ou aumento de fluxo menstrual, dificultando a implantação do feto e aumentando risco de abortamento.

A gravidez depende de inúmeros fatores, e não só da cavidade uterina. Entre esses fatores estão a fertilidade do parceiro, idade da mulher, tempo de doença, seis meses a um ano de tentativas, etc. A boa notícia é que pode engravidar, mesmo com adenomiose.

Fonte: Delas.Ig

Veja também!