Veja as desculpas dos homens quando falham na hora H

Veja as desculpas mais ditas pelos homens quando falham na hora H.  Parece que o principal é o que não dizer. Porque às vezes a tentativa de consertar pode piorar tudo.

O que os homens não devem dizer:

“Isto nunca aconteceu comigo antes” é frase tão surrada, que é melhor nem pensar em usá-la, mesmo que seja a mais pura verdade. A não ser que você já tenha muita intimidade com a parceira, se disser isto, vai conseguir que ela o ache, no mínimo, engraçado.

– “É que você falou isto, ou fez aquilo, e eu perdi o tesão” Não, não ponha a culpa na mulher. É verdade que tem mulheres que falam coisas que não têm nada a ver, bem no momento em que você está concentrado numa ereção. Aliás isto é muito comum. Mas se você colocar a culpa na parceira, vai produzir um efeito brochante sobre ela, o que só vai piorar as coisas entre os dois.

– “É só esperar um pouco que funciona”. Isto causa a maior expectativa entre os dois. Vão acabar se pegando, os dois, olhando para o dito-cujo, como quem espera a explosão de uma bombinha de São João. Nada mais brochante.

O que a mulher não deve dizer:
– “Tudo bem, eu já estou acostumada, isto também acontecia com fulano” Os homens não costumam gostar de lembrar que suas mulheres já tiveram outros parceiros. Não lembre isto a ele, muito menos na hora em que ele está frustrado.

– “Isto sempre acontece contigo?” Vai envergonhá-lo.

– “Até acho bom. Não estava mesmo muito a fim.” Se o problema era momentâneo, depois dessa frase vai durar a noite toda, ou talvez o resto das suas vidas. Porque ele pode pensar: “se não estava a fim, porque não disse logo? Como vou saber se ela realmente está a fim da próxima vez?”

O que o homem deve dizer?
– “Acho que devo estar um pouco tenso, passei o dia preocupado com um monte de coisas. Pensei que tivesse esquecido quando te encontrei, mas parece que no meu inconsciente ainda estou preocupado. Vamos tomar alguma coisa para relaxar?”

– “Parece que bebi um pouco demais. Vamos tomar um café (ou banho)?”

– “É, acho que estou cansado. Eu não queria admitir, mas o corpo acaba mostrando a realidade pra gente”.

– Me desconcentrei. Vamos ver um filme? (se ela tiver dito alguma coisa brochante ou se tiver havido algum fator externo que possa ser culpado, tipo: “A sirene daquela ambulância me perturbou”).

– “Não entendi. Eu estava louco de tesão por você… Vamos tomar alguma coisa para relaxar?”

O que a mulher deve dizer?
– “Tudo bem. Vamos tomar alguma coisa para relaxar?”

– “Vamos ver um filminho? Depois a gente continua onde parou, tá?”

– “Isto nunca aconteceu contigo antes. Você está preocupado com alguma coisa?”

– “Isto nunca acontece contigo. Você anda trabalhando demais?

– “Será que você bebeu um pouco demais?”

Resumindo, a mulher deve dar uma sugestão de desculpa para o parceiro. Assim como quando se joga uma corda a um náufrago, ele vai se apegar à primeira desculpa que você arranjar.

Bookmark/FavoritesCompartilhar...